Google+ Por que pessoas inteligentes acreditam em coisas que claramente não são verdade? | Curiosidades, Dicas e Humor

Por que pessoas inteligentes acreditam em coisas que claramente não são verdade?


A lua certamente não é culpada por loucuras que ocorrem em salas de emergência dos hospitais. A lua também não influencia o tempo de nascimentos humanos ou internações hospitalares, mas isso não impede pessoas inteligentes – como enfermeiros e médicos – de acreditarem nisso.

Como pessoas razoáveis desenvolvem fortes crenças que, para dizer o mínimo, não estão alinhadas com a realidade?

A lua cheia é inocente

Jean-Luc Margot, professor da Universidade da Califórnia em Los Angeles (EUA), aponta que a ausência de uma influência lunar em assuntos humanos tem sido demonstrada nas áreas de acidentes automobilísticos, internações hospitalares, resultados de cirurgias, taxas de sobrevivência de câncer, menstruação, nascimentos, complicações no parto, depressão, comportamento violento e até mesmo a atividade criminosa.

Ainda assim, um estudo de 2004 sugeriu que a lua cheia influenciou o número de internações hospitalares em uma unidade médica em Barcelona, na Espanha.

Margot identificou várias falhas na coleta de dados e análise dessa pesquisa. Ao reanalisar as informações, ele mostrou que o número de internações não estava relacionado com o ciclo lunar. “A lua é inocente”, disse.

Então, por que as crenças errôneas sobreviveram apesar da evidência?

Viés de confirmação

Margot citou o que os cientistas chamam de “viés de confirmação” – a tendência das pessoas de interpretar informações de uma maneira que confirma suas crenças, ao mesmo tempo em que ignora dados que as contradizem.

Quando algo incomum ocorre no dia de lua cheia, muita gente se lembra da associação porque ela confirma sua crença. Mas dias incomuns que não correspondem com a lua cheia são prontamente ignorados e esquecidos porque não reforçam essa mesma crença.

O prejuízo

Segundo Margot, os custos sociais de crenças errôneas podem ser enormes. Por isso, é preciso combatê-las. A lua pode até não causar muitos estragos, mas crenças errôneas no poder da vacinação, por exemplo, atrapalham e muito.

Em apenas um exemplo atual, o surto de sarampo recente nos EUA parece ter sido desencadeado por crenças questionáveis dos pais sobre a segurança da vacina contra o sarampo.

“As vacinas são amplamente e corretamente consideradas uma das maiores conquistas da saúde pública, e mesmo assim doenças imunopreveníveis estão matando pessoas por causa de crenças que estão fora de sintonia com os fatos científicos”, explica Margot.

Fontes: hypescience
Share on Google Plus

About Lello Pensador

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.