Google+ 6 potenciais perigos das dietas líquidas | Curiosidades, Dicas e Humor

6 potenciais perigos das dietas líquidas


As dietas líquidas são uma tendência entre as celebridades de Hollywood, e, consequentemente, entre nós, mortais, que muitas vezes às vemos como uma solução rápida para a perda de peso e um método eficiente de desintoxicação para o corpo
.

Alguns planos envolvem beber nada além de líquidos, enquanto outros incluem um pouco de comida, como um lanche ou uma refeição. Dependendo do tipo, elas normalmente duram de três dias a três semanas. Por exemplo, as pessoas que fazem a dieta chamada “Master Cleanse” bebem de seis a 12 copos por dia de uma mistura de suco de limão, pimenta caiena, xarope de ácer e água, por 10 dias. À noite, elas saboream um chá laxante.

Mas essas dietas de desintoxicação baseadas em frutas e legumes liquefeitos ou bebidas com sabor de limonada são úteis, ou apenas uma moda passageira?

A premissa de fazer limpezas no sistema através de sucos e outros tipos de regimes de desintoxicação líquidos é falsa, afirma Liz Applegate, diretora de nutrição esportiva na Universidade da Califórnia, nos EUA. “O corpo não precisa de qualquer ajuda para se livrar de toxinas”, afirma ela.

Existem enzimas desintoxicantes no fígado que quebram as moléculas de álcool e outras drogas, e os rins lidam com toxinas solúveis em água, explica Applegate.

Ela descreve seis armadilhas que as pessoas que seguem essas dietas podem cair e seus perigos potenciais.

Dietas líquidas geralmente são pobres em proteínas

Muitos jejuns de suco e dietas líquidas envolvem consumir nenhuma proteína, ou em quantidades muito baixas. As pessoas precisam de um fornecimento diário de proteína para construir células imunológicas saudáveis e regenerar músculos após um treino.

Frutas e vegetais têm apenas pequenas quantidades de proteína; No entanto, algumas dietas incluem sucos pré-embalados que podem incluir leite de amêndoas ou de castanhas como uma das doses diárias, o que oferece um pouco de proteína e gordura.

Consumir sucos de frutas e vegetais por três dias pode não ser prejudicial para uma pessoa saudável. “Mas alguém nesta dieta pode muito bem ficar doente, porque elas são medonhamente pobres em proteínas”, acrescenta Applegate.

Os mais velhos podem ser mais suscetíveis a infecções se tentarem uma dieta líquida, porque eles já podem ter seus estoques de proteína reduzidos.

Além disso, a produção de sumo de frutas e vegetais remove a maior parte da fibra deles. Comer uma quantidade limitada de fibra, como parte de um regime líquido, não vai prejudicar as dietas da maioria das pessoas, mas pode ser uma desvantagem na medida em que deixa você com fome. As fibras ajudam as pessoas a se sentirem completa e satisfeitas.

Elas também têm poucas calorias

Dependendo de que dieta uma pessoa faz, e quantas garrafas de suco ou copos de “limonada” ela bebe, as calorias que acaba consumindo diariamente pode variar de cerca de 800 a 1200. Quando feita por 10 dias, a baixa ingestão de calorias que vem com a realização de uma Master Cleanse ou outro regime poderia deixar o corpo em um “modo fome”, o que significa que ele vai tentar conservar calorias por abrandar o metabolismo, pois o organismo não tem certeza quando será alimentado novamente.

Fazer uma dieta do suco tipicamente reduz as calorias na dieta de uma pessoa, e pode ajudar a perder um pouco de peso, diz Applegate. Mas quando as pessoas excluem os seus alimentos favoritos de sua dieta por um período de tempo, elas tendem a premiar-se depois, e até mesmo passar dos limites, observa a pesquisadora. Quaisquer quilos perdidos durante uma dieta destas são principalmente água, e provavelmente serão ganhos de volta uma vez que os hábitos alimentares normais sejam retomados.

As pessoas podem não se sentir tão bem durante o processo

As pessoas costumam apresentar efeitos colaterais, como dores de cabeça, fadiga, dificuldade em pensar, mau humor, dor de estômago e dores de fome. “Esteja preparado para mudanças no funcionamento do intestino e visitas frequentes ao banheiro”, adverte Applegate.

A pimenta caiena, que é usada no plano Master Cleanse, pode irritar o cólon, fazendo este regime uma preocupação para as pessoas com sistemas digestivos sensíveis, como a síndrome do intestino irritável. Outros efeitos colaterais da Master Cleanse podem incluir o mau hálito, tontura, diarreia e o esbranquiçamento da língua.

Além disso, dietas líquidas não são uma boa ideia para as pessoas com diabetes que podem estar em uso de medicação para regular a atividade da insulina. Beber muito suco pode levar a níveis instáveis de açúcar no sangue.

As mulheres que estão grávidas ou amamentando e pessoas com sistemas imunológicos comprometidos ou com doenças cardíacas, renais ou hepáticas avançadas também devem evitar as dietas do suco.

As pessoas que tomam o medicamento para afinar o sangue Coumadin devem ficar longe também, porque alguns dos sucos verdes podem conter vegetais ricos em vitamina K – como couve, espinafre, salsa e aipo – o que pode diminuir a eficácia da droga.

A característica extrema do regime pode ser parte do apelo

Completar uma dieta de limpeza de três dias pode ser extremo, mas também é uma meta alcançável, diz Applegate. Assim, embora possa ser difícil de fazer e soar como uma privação, talvez o desafio de completar uma dieta de curto prazo ofereça algumas recompensas psicológicas, tais como uma sensação de realização e uma crença de que substâncias nocivas foram eliminadas do organismo.

Especialistas alertam: dietas detox não funcionam

Ainda assim, Applegate afirma que considera estas como dietas severas, mostrando preocupação com a extremamente baixa ingestão de nutrientes, principalmente de proteínas. Ela disse que ainda não gosta de aplicar o termo “limpeza” a estes regimes, porque “não há nenhuma evidência de que alguém está realmente se livrando de compostos prejudiciais do corpo, ou que você está “limpando” alguma coisa”, rebate.

“Detox” podem legitimar a ideia de que a indulgência deve ser punida

Anunciada como uma forma de “dar o pontapé inicial em um estilo de vida saudável”, “eliminar os desejos de comida” e “redefinir os hábitos alimentares “, dietas do suco ou detox muitas vezes envolvem engolir apenas alimentos líquidos, como alguns fabricantes descrevem, e não mastigar alimentos sólidos durante vários dias.

No entanto, pesquisas já constataram que o cérebro não pode registrar calorias líquidas da mesma maneira como as de alimentos sólidos, e a rotina poderia ficar velha de forma rápida.

As pessoas devem “purificar” seus hábitos se estiverem comendo mal? Claro, diz Applegate. E há benefícios em beber suco se isso levar as pessoas a se interessarem em experimentar novas frutas e legumes (mesmo que eles estejam espremidos em um líquido).
Mas o problema surge quando as pessoas que abusam de alimentos ou de bebidas alcoólicas sentem a necessidade de ir ao extremo e punir-se bebendo apenas sucos, em vez de apenas comer saudavelmente.

A abordagem é cientificamente infundada

Não há nenhuma evidência científica de que uma dieta de limpeza através da ingestão de sucos são uma abordagem sensata para uma saúde melhor, aponta Applegate. Benefícios apregoados de limpeza e de desintoxicação do corpo e descansar o sistema digestivo, para aumentar a imunidade e melhorar o foco mental são em grande parte anedóticos e não comprovados, sentencia a pesquisadora.

A ideia de usar esses métodos para dar ao sistema digestivo um descanso é sem sentido, afirma Applegate. “O sistema digestivo funciona todos os dias para digerir alimentos, e não precisa de nenhum descanso”, diz ela.

Fonte: hypescience
Share on Google Plus

About Lello Pensador

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.