Google+ Calmantes Naturais | Curiosidades, Dicas e Humor

Calmantes Naturais


Calmantes naturais são muito usados para o combate da ansiedade, stress e irritação causado pelo o dia-a-dia agitado. Durante o dia, somos sujeitos à ansiedade e estresse desnecessários, causados por maus hábitos que se tornam rotina com o decorrer dos dias.

Para combater os males da mente, os médicos costumam receitar remédios como os ansiolíticos, que barram a ansiedade e ajudam a tratar certos tipos de depressão. O perigo é o exagero na hora de recomendar esse tipo de tratamento: entre 2006 e 2010, a venda dos famosos “tarja preta” aumentou 36% no Brasil. Ou seja, a população está mais estressada.

Como alternativa para esse uso excessivo, que pode causar sérios efeitos colaterais e até dependência, alguns apontam para os fitoterápicos, que são feitos com plantas e agem de forma semelhante às drogas sintéticas. Quem nunca ouviu o conselho de tomar chá de camomila para se acalmar?

Na hora de comprar fitoterápicos, procure ficar atento ao rótulo do produto. Nele, há o número de registro da ANVISA. Para ser registrado, o remédio deve passar por testes que comprovam sua eficácia, segurança e qualidade.

Plantas Fitoterápicas

Passiflora, valeriana e erva de São João: esse trio é bastante utilizado pela indústria farmacêutica em fórmulas que tratam casos de depressão leve a moderada. As três plantas contêm substâncias que atuam nos neurônios e diminuem a atividade do sistema nervoso, relaxando o indivíduo.

Em casos em que a ansiedade não é tão grave, um chazinho com plantas pode ser um grande aliado.


Melissa: Também conhecida como erva-cidreira, tem óleos essenciais que acalmam levemente. Tem efeito sedativo, calmante, espasmolítico, digestivo e sonífero.


Camomila: A composição da camomila é formada por tanino, cânfora, ácido antêmico e um óleo essencial escuro muito utilizado no tratamento da gota, problemas de circulação, reumatismo e inflamações. Esta flor pode ser usada dentro do travesseiro no combate à insônia, estresse e ansiedade devido a seu papel calmante natural.



Erva-de-São-João : A eficácia da erva de São João foi comprovada por um estudo do Centro de Medicina Complementar de Munique, que apontou que a erva tem efeito superior ao do placebo e similar aos medicamentos antidepressivos em depressões leves e moderadas.

A utilização da erva de São João não deve ser feita sem orientação médica, especialmente em associação com outros medicamentos. As plantas medicinais funcionam como remédios e por isso não podem ser ingeridas arbitrariamente. Para ter o efeito do chá antidepressivo, tome 3 xícaras do chá por dia.


Passsiflora: Essa espécie de maracujá ajuda a controlar crises de ansiedade e depressão. Ação relaxante e antidepressiva, analgésica, antiespasmódica, hipotensora e sedativa. Esta planta medicinal também induz o sono e o relaxamento muscular.

Valeriana: Suas propriedades são extraídas da raiz. O uso da valeriana como calmante natural faz com que haja redução do nervosismo, e proporciona uma noite reparadora de sono.

O tratamento fitoterápico tem demonstrado cada vez mais a sua eficácia. Como qualquer tratamento, requer antes um diagnóstico correto da doença para que a planta utilizada seja eficaz. Vale a pena lembrar que as plantas também tem efeitos colaterais. Consulte sempre um médico para saber a dosagem correta para o seu caso.

Image and video hosting by TinyPic
03 unidades - R$9,99
10 unidades - R$27,00
100 unidades - R$250,00
Share on Google Plus

About Lello Pensador

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.